Khao San Road: o que esperar da rua mais amada (ou odiada) de Bangkok?

  • 8/07/2017
  • comentários
  • Por: Guilherme Goss De Paula

Se você está indo para Bangkok pela primeira vez, certamente está louco atrás de informações sobre a lendária Khao San Road. Ainda que alguns digam que ela não reflete exatamente a verdadeira Bangkok e que tudo lá é feito pra turistas, eu jamais dispensaria uma visita à efervescente Khao San. Aliás, costumo brincar com seu nome e chamá-la de Caos-San. Por que será?

Khao San Road

Sim, viajante, ela é caótica. É suja, cheia de turistas bêbados andando pra lá e pra cá com seus baldinhos, bares e baladinhas que insistem em tocar suas músicas no último volume, vendedores ambulantes de espetinhos de escorpião e algumas barraquinhas com um cardápio completo de bichos e insetos nojentos comidas exóticas. Ah, não esqueçamos das “meninas de família” e ladyboys que ficam zanzando à caça de turistas que queiram uma experiência mais privè. Na Khao San é tudo normal. E, talvez, seja essa naturalidade que a faça parecer tão incrível.

Encontre as melhores ofertas de hospedagem em Bangkok

Quando estive lá pela primeira vez, em 2010, lembro-me de encontrar apenas uma barraquinha de comidas exóticas – e provei quase tudo. A popularidade dos bichinhos comestíveis saltou enormemente e, embora não façam parte do cardápio tailandês, hoje em dia é difícil caminhar por lá sem se esbarrar em um vendedor de espetinhos de escorpião.

Naquela época também fiz uma tattoo em um estúdio que fica no final da rua, na Tanao Road, o BKK Ink. Por sorte, o estúdio é bastante popular e reconhecido. Hoje, assim como os bichinhos comestíveis, os estúdios de tatuagem se multiplicaram pela Khao San.

Outra diferença que notei é que, apesar de ainda existirem por lá, o número de “meninas de família” parece ter diminuído e já não ficam puxando os turistas pelos braços como antigamente – pelo menos aparentemente.

No mais, a Khao San continua a mesma: frenética, alucinante e barulhenta – pelo menos até a meia noite, quando viaturas da polícia passavam para verificar se os estabelecimentos haviam desligado seus alto falantes.

Leia também: Onde ficar em Bangkok? Conheça os hotéis Khaosan Palace, Rambuttri Village e Ibis Styles

Pra você que tem vontade de ir mas está com receio, lembre-se que você não precisa ir lá pra encher a cara e ficar louco. Você pode chegar mais cedo para evitar os bêbados, fazer compras em algumas das muitas barraquinhas que tomam a rua, receber uma massagem, experimentar o Dr Fish (aqueles peixinhos que comem sua pele morta), comer alguma coisa e curtir o caos numa boa. Eu, por exemplo, levei minha família toda para passear, caminhamos tranquilamente no meio da multidão e ninguém nos incomodou.

Agora a palavra é sua! Tá indo ou já esteve por lá? Conta pra gente como foi ou o que espera da sua experiência na Khao San Road. Aproveite para deixar suas dúvidas e sugestões também! 😉


Sinta a Khao San, assistindo ao vídeo da nossa websérie e inscreva-se no canal!


Posts relacionados
Bangkok: o melhor da efervescente capital tailandesa
Restaurantes e compras em Bangkok
Passeios em Bangkok: Mercado Flutuante e Mercado do Trem
Onde ficar em Bangkok? Conheça os hotéis Khaosan Palace, Rambuttri Village e Ibis Styles
7 Templos Imperdíveis de Bangkok
Roteiro Tailândia 2017 – Bangkok, Chiang Mai, Phi Phi e Railay Beach


Apoio

intermacmysimtravel


Para a sua viagem

Reserve seu hotel pelo Booking.com
Alugue seu carro pela Rentcars
Compre seu chip internacional Mysimtravel
Viaje sempre protegido com Intermac Seguros
Evite filas comprando antecipadamente seus ingressos e passeios pelo Viator
Prefere uma ajuda profissional para sua viagem? Entre em contato com a Reisen Turismo

Ao utilizar esses links, você ajuda o blog a crescer sem pagar nada a mais por isso!





Booking.com





Guilherme Goss De Paula

Nascido em Tupã, no interior de São Paulo, sua primeira experiência internacional foi um intercâmbio na Alemanha - onde despertou seu interesse por conhecer o mundo. Trabalhou com turismo nos EUA, no Amazonas e em Santa Catarina. Graduou-se em Turismo e Hotelaria e abriu sua própria agência de viagens. Sempre em busca de novos destinos, acumula passagens por mais de 60 países. Como escritor-viajante, já participou de diversas edições dos guias O Viajante, além de ser colaborador voluntário dos sites TripAdvisor e Mochileiros.com. Sua melhor viagem é sempre a próxima!


7 respostas para “Khao San Road: o que esperar da rua mais amada (ou odiada) de Bangkok?”

  1. […] já confessei aqui no blog meu amor pela Khao San Road (se você não sabia disso, leia o post Khao San Road: o que esperar da rua mais amada (ou odiada) de Bangkok?). E, pra quem tá a fim de agito, pode ser uma ótima ideia hospedar-se nela. Afinal, lá você […]

  2. […] do Trem Onde ficar em Bangkok? Conheça os hotéis Khaosan Palace, Rambuttri Village e Ibis Styles Khao San Road: o que esperar da rua mais amada (ou odiada) de Bangkok? 7 Templos Imperdíveis de Bangkok Roteiro Tailândia 2017 – Bangkok, Chiang Mai, Phi Phi e Railay […]

  3. Lívia disse:

    Oi viajante!! penso em fazer uma tatuagem nesse estúdio, vc sabe se tenho que agendar antes? tipo, com muita antecedência? e vc sabe me dizer sobre o valor, se é mais caro que no Brasil? Obrigada!!

    • Oi Lívia!! 🙂
      No meu caso eu cheguei lá com a ideia e fiz na mesma hora, mas a minha tattoo é super simples. Acredito que vc possa fazer o agendamento quando chegar lá. Entretanto, se for um desenho muito complexo, é melhor entrar em contato com eles por email para agendar. Sobre o valor, lembro que paguei menos de USD 100. Havia outros estúdios mais baratos, mas não botei muita fé – principalmente porque a minha tattoo é uma frase em thai e eu morria de medo que cometessem algum erro ortográfico… rsrs… Quando vc vai? Promete que manda uma foto pra gente?

      • Lívia disse:

        Estou indo segunda-feira, dia 06/11! Obrigada pelas orientações, tenho lido o seu blog e curtido muito os seus vídeos no youtube, até comentei lá… na verdade só soube do blog pq vc falou cmg sobre ele no youtube. Vim correndo conferir, hahaha! A tattoo é bem simples, uma flor de lótus pequena. Entrei em contato com eles por e-mail e mandei a foto do que eu quero, eles disseram que é só chegar lá. Com certeza te mando foto, da viagem e da tattoo!! Valeuuu Bjossss

  4. […] do Trem Onde ficar em Bangkok? Conheça os hotéis Khaosan Palace, Rambuttri Village e Ibis Styles Khao San Road: o que esperar da rua mais amada (ou odiada) de Bangkok? 7 Templos Imperdíveis de Bangkok Roteiro Tailândia 2017 – Bangkok, Chiang Mai, Phi Phi e Railay […]

Deixe uma resposta

Inline
Inline